• Pamella Amorim Liz

Fim de ano longe da família


E o fim do ano chegou. Pisquei e dezembro apareceu, assim. Justo anteontem que ainda era carnaval, ou ontem que ainda era verão e eu estava no parque aproveitando o sol. Mas sim, dezembro chegou, as metas de 2018 já estão praticamente todas riscadas da lista e as que não estão, continuarão na lista de 2019.

Sabe o que mais chegou? A melancolia. Sim, melancolia de fim de ano. Sabe como é, Novembro vai chegando, começamos a dar desculpas para coisas que não fizemos, a dieta que não começamos, as oportunidades que deixamos passar e tantas outras coisas. Sempre com a incrível esperança de que o ano seguinte resolva tudo, que dia 1° de Janeiro renove nossas energias e traga aquilo que não tivemos. Mas honestamente, fim de ano pra mim representa outra coisa: família. É a época em que todos nos reunimos, planejamos encontros, nos empolgamos com as decorações e presentes de Natal.

Imagem: freepik.com

Acredito que o melhor que podemos fazer para amenizar a saudade e essa melancolia da distância, é fazer coisas simples, mas que te façam sentir perto de casa. Por exemplo, se você sempre gostou de decorar a casa e entrar no clima natalino, faça isso! Monte sua árvore, coloque seus enfeites pela casa, luzes, guirlandas, a Simone cantando Então é Natal, e vire o próprio Papai Noel! Ou então faça uma ligação por vídeo para a família. Ano passado eu "participei" da ceia de Natal da minha família (eu era o celular em cima da mesa), e fiquei conversando e rindo com todo mundo, fazendo parte da festa.

Por último e não menos importante: pense que você não está sozinha. Assim como você, mais expats estão aqui na mesma situação de melancolia festiva. E se Natal é tempo de união, junte-se aos amigos e façam uma grande festa. Afinal, amigos também são família. No mais, aproveite. Coma, beba (com moderação, pois não queremos ressaca) e se cerque de amor. Curta seu fim de ano, seja com Netflix, viajando, com os amigos ou a família. Feliz Natal!

Pamella Amorim Liz

Escritora, mestre em história e cozinheira. Mora em Amsterdam há quase 3 anos e adora a vida entre tamancos, chuva e tulipas.

Se você gostou do texto, curta e compartilhe nas suas redes sociais.


0 views

©2019 by Anelise Brazilian Coach

  • Anelise Brazilian Coach
  • Facebook Social Icon
  • LinkedIn Social Icon